v Obra24horas | Entrevistas > Silvio Chaimovitz
Obra24horas > Entrevistas >
ENTREVISTAS

A revitalização nos centros urbanos 

 

 

Silvio Chaimovitz

As áreas centrais das cidades médias paulistas estão sofrendo, em vários graus, os impactos do crescimento urbano. Um aspecto interessante e que merece atenção é o surgimento de centros alternativos, que passaram a disputar atenção e investimentos do centro “principal” dessas cidades, que, por sua vez, ficaram esquecidos. Sem incentivo para uso, chega o abandono, que traz com ele o aumento da criminalidade, desperdício de infraestrutura e desvalorização da região.

O Portal Obra24Horas conversou com Silvio Chaimovitz, CEO da ACS Incorporadora, sobre o surgimento desta nova demanda, a de revitalização desses espaços, para que eles possam voltar a desempenhar seu papel para a população, desde o de imagem unitária de pertencimento à comunidade até o de amenidade, a fim de preservar a boa qualidade do ambiente construído para seu público mais diverso.

O Portal Obra24Horas conversou com Silvio Chaimovitz, CEO da ACS Incorporadora, sobre o surgimento desta nova demanda, a de revitalização desses espaços, para que eles possam voltar a desempenhar seu papel para a população, desde o de imagem unitária de pertencimento à comunidade até o de amenidade, a fim de preservar a boa qualidade do ambiente construído para seu público mais diverso.

 

 

Obra: Como esses projetos de revitalização são recebidos pelo município e, principalmente, pela região mais diretamente envolvida, já que tratam de determinados bairro?

Silvio: As cidades, por meio do poder público, agentes comunitários e empresas privadas, respondem de maneiras diferentes a essa questão, mas é consenso entre as partes que o papel da reurbanização de tais áreas vai além de deixar a cidade mais bonita. Resgatar a história de espaços ou reconstruir patrimônios tombados fortalece o mercado e o comércio da região no qual estão inseridos, gera empregos direta ou indiretamente, e ainda cria um ambiente mais agradável para os moradores locais, que certamente ficarão gratos pelo feito.  

 

Obra: A revitalização de Puerto Madeiro, na Argentina, e Bilbao, na Espanha, são projetos que sempre são lembrados com sucesso. A que se deve? Bom planejamento e parcerias com empresas privadas e órgãos do governo?  

Silvio: Há 20 anos, a Argentina investiu na recuperação do potencial do porto, que havia caído no esquecimento, por meio de um acordo entre o Ministério de Obras e Serviços Públicos Instituto, a Prefeitura da Cidade de Buenos Aires e da Secretaria Geral da Presidência da Corporação Nation. Hoje, a cidade e o país comemoram o sucesso da empreitada, que possibilitou a completa recuperação da área e a transformou no principal complexo residencial, turístico, gastronômico e comercial da capital argentina. 

Já em Bilbao, na Espanha, o projeto de revitalização da cidade se apoiou essencialmente na recuperação de sua identidade e diversidade, buscando conferir aos moradores uma sensação de pertencimento a cidade, que antes era percebida de forma fragmentada e compartimentada. Para isso, governo e iniciativa privada investiram em uma série de obras, como a construção do Museu Guggenheim Bilbao, de um novo terminal no aeroporto, novo terminal ferroviário metropolitano, nova estação combinada de ônibus e trens, o centro empresarial de Abandoibarra e recuperação para o uso urbano da área antiga do porto e ampliação do porto atual. Ou seja, as parcerias e planejamento são essenciais! 

 

Obra: Esses projetos são vistos muitas vezes como “marco histórico” nestas cidades. Que casos citaria no Brasil? 

Silvio: A revitalização é um marco histórico e demonstra ser um empreendimento de sucesso imediato, pois atrai novos moradores e visitantes às cidades e, consequentemente, aquece sua economia. Aqui citaria Curitiba e Rio de Janeiro. 

Os curitibanos presenciaram um plano de revitalização bem orquestrado que permitiu o crescimento ordenado da cidade, a partir da década de 1960. O projeto cuidou da paisagem da cidade, ampliando a área verde da cidade, criou, ainda, novas regras de zoneamento e parques. O Calçadão de Curitiba foi todo redesenhado, proporcionando um belo contraste entre a rua de pedestres e as edificações e transformou a rua das Flores em um importante ponto comercial e de encontro de pessoas. 

No Rio de Janeiro, o bairro da Lapa chama atenção pela transformação após uma série de ações que teve início na década de 1970 e chegou ao auge em 2005. Famoso pelos restaurantes, clubes de jogos e botequins e em estado de degradação, o bairro todo passou por reformas, tombamentos, revitalizações paisagísticas e ambientais que levaram à surpreendente valorização imobiliária local. 

 

OBRA: Que tipo de construções são pautadas para obras nesses projetos? Como a escolha de determinadas regiões é feita para esta revitalização? 

Silvio: Pode ser um imóvel abandonado, uma praça sem cuidados, ou até construções maiores como, por exemplo, estádios. 

Estamos investindo na revitalização de um antigo prédio no bairro da Ponte Preta, em Campinas/SP. Trata-se de um dos bairros mais antigos de Campinas, algumas de suas ruas datam do Século XIX, além de inúmeros monumentos tombados como patrimônio histórico do município, como a ponte sobre a ferrovia que deu origem ao nome do bairro, o Túmulo dos Voluntários de 1932, o Sanatório Santa Izabel e o Cemitério da Saudade. 

Nosso foco específico é o prédio onde funcionou o sanatório Santa Isabel, local onde construiremos um empreendimento reinserindo o bairro na sociedade, por meio de um projeto atual, em sintonia com a dinâmica da cidade.

Argentina, Espanha, Curitiba, Rio e Campinas são exemplos que ilustram tanto a importância quanto a viabilidade de se propor hipóteses de qualificação do espaço urbano para qualquer construção, desde que se identifique ali esta possibilidade. É uma oportunidade para que esses locais recuperem a relevância do passado na vida atual, compreendendo a constante transformação da população. Reforço que é importante a união entre o poder publico e a iniciativa privada para que se obtenha os resultados tão importantes para a população.

Entrevista concedida à Danielly Herobetta,
Editora de Conteúdo do Portal Obra 24 Horas.

LEIA TAMBÉM

ENTREVISTA
ENTREVISTA
Copyright Portal Obra24horas | 2005-2021
Contato: (011) 3124-5324 | Termos de Uso