NOTÍCIAS

A Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção apurou em abril crescimento no faturamento deflacionado de 4,5% em relação ao mesmo mês do ano passado. No acumulado do ano a alta é de 1,9%.

Os destaque no mês foram os produtos de base, com aumento de 6,7% nas vendas, e acabamento, com 1,4%.

A Abramat mantém previsão para o fechamento de 2018 de alta de 1,5%, puxadas pelas vendas ao varejo, seguidas das vendas ao segmento imobiliário. Obras de infraestrutura têm sua retomada prevista apenas para 2019.

"Nossos estudos vêm confirmando as expectativas de nossos associados. Vale lembrar que estamos sujeitos à diversas externalidades, como flutuações do câmbio, mudanças no acesso ao crédito, alterações nas regras de financiamento imobiliário, eleições, entre outras, que podem trazer efeitos ao desempenho do setor da construção civil", afirmou Rodrigo Navarro, presidente da associação, por meio de nota.

Fonte: Agência Estado

Copyright Portal Obra24horas | 2005-2018
Contato: (011) 3124-5324 | Termos de Uso